Entrelaçada pela tristeza

Às vezes só quero a paz
A paz de um abraço sincero
Ou de olhar simples e sereno
Que transborde sentimento

Mas onde estão seus braços?
Preciso me perder em seus abraços
Para não me perder no escuro de um espaço
Que faz da minha tristeza um laço

Porque está tão longe?
Já não sei o que faço
Com essa dor angustiante
Desse amor que parece distante

Existe uma ferida em meu peito
E esse fato não pode ser desfeito
Mas a causa dessa ferida
Também é o motivo da minha vida

Então, o que devo fazer?
Não posso deixar de te amar
Nem ao menos te esquecer
Só desejo te encontrar
Mesmo que isso me faça sofrer.

Sophia Oliveira.

11 comentários em “Entrelaçada pela tristeza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s